O primeiro passo para diminuir custos de manutenção é estar seguro quanto à qualidade dos elementos utilizados na rede FTTx. Os produtos Fibracem possuem homologação ANATEL, portanto já saem de fábrica com a garantia de que passaram por todos os testes que levam em conta o atendimento a rigorosos parâmetros de qualidade. E por isso, uma rede com produtos de qualidade invariavelmente gera menos custos de manutenção.

A popularização das redes ópticas advém do fato de que as redes passivas (sem equipamentos alimentados por energia elétrica na planta externa) demandam menos manutenção se comparadas às redes que possuem vários equipamentos ativos, como consequência diminuem também os custos operacionais (OPEX) das redes PON. Também é consenso entre os provedores de internet que um dos maiores geradores de custo de manutenção são os retrabalhos, por isso a importância de utilizar produtos de procedência, desenvolvidos de maneira padronizada e que não precisarão ser substituídos a curto prazo. Além disso, a Fibracem disponibiliza Suporte Técnico e conta com atendimento personalizado nos processos de pré e pós venda.

De que forma o portfólio de produtos da Fibracem contribui para desacelerar a necessidade de manutenção das redes?

As redes ópticas pelo fato de serem passivas já demandam menos manutenção se comparadas às outras tecnologias disponíveis. A Fibracem possui um portfólio completo quando se fala em redes FTTx, isso contempla desde os racks do Central Office, passando por toda planta externa (cabos, ferragens, CEOs, CTOs, etc.) até a roseta e o cordão óptico que chegam na casa do cliente final.

Essa gama completa de produtos gera uma solução única que garante a interoperabilidade entre todos os elementos. Todos os acessórios ópticos se comunicam e são compatíveis uns com os outros, o que melhora a performance da rede FTTx e permite a construção do que chamamos de redes a prova de futuro. Usamos esse conceito “a prova de futuro” justamente porque prezamos pela qualidade dos nossos produtos, cujo objetivo é construir redes robustas tanto nas aplicações e serviços disponibilizados quanto em relação à manutenção.